Desenvolvimento Profissional
Compartilhe com seus amigos!

Não é raro encontrar alguém que diz: eu tenho tudo e não sou feliz. Quais são os motivos que fazem algumas pessoas se sentirem assim?

Parâmetros dos outros: Estamos cercados de muita informação, as redes sociais nos mostram detalhes da vida das pessoas e as comparações são inevitáveis. Muitas pessoas que já conquistaram uma carreira bem sucedida, já construiram uma família e já realizaram muitas coisas na vida, ainda assim se mostram insatisfeitas e infelizes. Isto acontece porque muitos estão baseando as suas realizações nos parâmetros dos outros.
As pessoas são diferentes, as oportunidades são diferentes, cada um tem sua meta de vida, suas aspirações, seu tempo de realização. Esses parâmetros são individuais e a comparação muitas vezes gera frustração e compromete a nossa autoestima. Mas quais são as minhas próprias competências? O que eu sou capaz de realizar, dentro dos meus objetivos e missão de vida, para que viver seja uma jornada plena e satisfatória? Podemos e devemos nos questionar para encontrarmos respostas que ainda não vieram à tona.

Outro fator que contribui para tal sensação da falta de senso de realização é cultural. Paradigma da Escassez: Fomos treinados desde muito cedo na vida a supervalorizarmos a falta, a reclamação, a insatisfação. Crescemos nesse ambiente  onde a dor e vitimização são valorizadas e estimuladas. Perdemos o senso de autoresponsabilidade. Sem nos darmos conta, passamos isso de geração em geração. Passamos a acreditar que tudo é difícil, sacrificante. Sabe a lei de que tudo deve exigir de nós muito esforço para ter valor? Esforço é um peso emocional que colocamos nas coisas e passamos a crer que a vida é realmente assim. Mas nos esquecemos que esta cultura tem impacto direto sobre a nossa saúde, sobre os nossos relacionamentos e distorce a nossa noção do que é de fato ser feliz. Modificando Padrões: É possível  estimular as sensações de realização experimentando viver de acordo com o que realmente nos faz felizes. Isso acontece quando valorizamos os  momentos especiais, quando nos permitimos mais, e prestamos atenção aos pequenos detalhes que muitas vezes nos roubam um sorriso, que faz o nosso dia ser melhor, quando buscamos aquilo que realmente nos motiva a viver a cada dia. Pergunte-se: O que tem real valor na minha vida, independente de qual o rumo  a vida dos outros ao meu redor está tomando?

 

Portanto, vamos ampliar a nossa visão, buscar o autoconhecimento e descobrir quem realmente somos. Isso será possível se olharmos para dentro. Conseguiremos mudar o nosso senso de realização mudando a estratégia de pensamento e focando nos inúmeros motivos que já temos hoje para sentirmos gratidão. Aprecie as pequenas dádivas. Comece a duvidar de muita coisa que aprendeu e transforme-se em uma pessoa plenamente satisfeita e feliz.

Compartilhe com seus amigos!