Desenvolvimento Profissional
Compartilhe com seus amigos!

Quais são os poderes pessoais que você já possui e que ainda não foram explorados em seu potencial máximo?

 

Os nossos poderes pessoais vão muito mais além do que a nossa capacidade de executar e realizar coisas. FAZER bem as coisas nos dá reconhecimento, mas SER quem realmente deveríamos ser nos traz alegria e o senso de que a vida está de fato, valendo a pena. Talvez você não seja quem você pensa que é. Você é mais do que os rótulos que recebeu na sua história de vida. Você não é o advogado, a mãe, o médico ou a esposa que você acredita que é, esses são papéis que você desempenha, portanto não confunda esses rótulos com quem realmente você é. Você é a soma de todos os seus poderes pessoais, suas habilidades, talentos, sonhos e capacidade de criar.

 

A verdade é que não ousamos declarar nossos poderes e sonhos porque fomos ensinados que temos que ser modestos e esta crença inserida em nossa cultura está tão arraigada em nós que escondemos tão bem da sociedade nossos poderes que nem mesmo nós somos capazes de enxergá-los. Sendo assim, nos deparamos com uma triste realidade, nossas escolhas são mais motivadas pelos nossos medos do que pelos nossos sonhos e nosso potencial. Portanto, o desafio aqui é descobrir quais são os nossos poderes pessoais e gritá-los ao mundo, assumirmos definitivamente os nossos valores e as nossas virtudes. Isto é bem diferente de ser arrogante, nos colocarmos com ares de superioridade e nos comparar a outros ou rebaixá-los. Estou falando de reconhecer o seu próprio valor, utilizar em seu máximo potencial as suas qualidades e justamente usar suas virtudes como combustível para conquistar a vida e os sonhos que deseja.

 

Para reconhecer seus poderes pessoais eu sugiro que você faça uma lista, como que um inventário de poder pessoal, isso mesmo, vamos reunir o que você tem de melhor para oferecer e documentar isto. Coloque em sua lista TODOS os poderes que você acredita que já possui e vamos considerar aqui como poderes, aquelas forças pessoais que não podem ser tiradas de você. Portanto dinheiro, bens e aparência não contam, visto que tais forças podem ser extintas de acordo com as circunstâncias. Vamos focar e forças ou poderes internos como por exemplo:

 

A capacidade de dar e receber amor

 

O entusiasmo com a vida

 

A coragem de defender seus valores

 

O seu bom senso de humor

 

A sua capacidade de ouvir

 

A sua capacidade de se divertir

 

A sua fé

 

A sabedoria e os conhecimentos que adquiriu na vida

 

Seus pontos fortes dentro de um relacionamento

 

Esses são alguns exemplos, mas  você pode ir muito além. Peça a outras pessoas do trabalho, amigos ou parentes que  lhe digam quais são os pontos fortes que eles percebem em você e que você ainda não se deu conta da existência deles.

Explore todas as suas forças interiores e de tempos em tempos analise a sua lista. Guarde esta lista e leve-a com você e se um dia se sentir inseguro, com medo, incapaz diante de uma reunião importante ou diante de outros desafios, dê uma olhada com atenção e reforce os poderes que você tem para enfrentar o mundo. Reforçar esses pontos fortes em sua memória lhe trará de volta a capacidade de perseverar e manifestar todos os seus sonhos, levando em conta quem você realmente é, em sua essência, te dando as condições necessárias e mobilizando sua própria motivação para viver uma vida realizada, feliz e cheia de conquistas!

 

 

 

 

 

Compartilhe com seus amigos!